Alterações Posturais E Flexibilidade Da Cadeia Posterior Nas Lesões Em Atletas De Futebol De Campo

Foram avaliados 28 atletas de futebol de campo do sexo masculino, idade entre 17 e 20 anos, divididos em dois grupos: com lesão (G1) e sem lesão (G2). Inicialmente foi verificado peso, idade, tempo de prática e ocorrência de lesões. Em seguida foi realizada avaliação postural para verificar retrações das cadeias musculares e avaliação postural computadorizada. Resultados: Os atletas apresentaram joelhos varo, anteversão pélvica e assimetria no triângulo de Tales. O segmento corpóreo acometido mais frequente foi o tornozelo, seguido de joelhos, virilha e coxas. Conclusões: Não foi possível estabelecer relação entre as lesões no presente estudo. Veja arquivo anexo.