Comparação Entre As Abordagens Ecológica E Cognitivista Para O Treino Da Tomada De Decisão No Ténis E No Rugby

Os dois estudos de carácter longitudinal aqui apresentados têm como objectivo determinar a existência de diferenças na evolução no desempenho das seguintes tarefas – a placagem no Rugby e o primeiro serviço no Ténis – como resultado da adoção de metodologias sustentadas por diferentes abordagens para treino da tomada de decisão: i) a abordagem cognitivista, a qual assenta na procura de um modelo ideal de execução, e ii) a abordagem ecológica, baseada na manipulação dos constrangimentos visando que o atleta encontre o seu próprio padrão de execução. Com base nos resultados da análise de estabilidade e comparações intra e inter-grupo, podemos concluir que a abordagem baseada nos constrangimentos se apresenta como a metodologia mais eficaz para o treino da tomada de decisão. A nossa interpretação sugere que a procura de modelos ideais de execução, resulta em prescrições de treino desajustadas às características dos jogadores, o que faz com que existam grandes oscilações nos seus desempenhos e que um treino baseado na manipulação dos constrangimentos permite ao atleta adaptar as suas características às exigências do envolvimento, numa exploração ativa do melhor caminho para alcançar um objetivo.