Brasil Domina Sul-americano De Canoagem Oceânica Em Ilhabela

A Canoagem Oceânica é uma modalidade que cresce sem parar pelo mundo e na América do Sul não é diferente. O movimento já é grande no Brasil, e também em países como Uruguai, Argentina e Venezuela. Além disso, outros países das Américas já realizam provas de Ocean Racing – como a oceânica é mundialmente conhecida – tal como México, USA e Canadá.

Para firmar a força do Brasil, o comitê de Canoagem Oceânica juntamente com a diretoria da CBCa, iniciou o movimento de realizar o primeiro evento internacional da modalidade no Brasil. E deu certo! Com o aval da CoSurCa – Confederação Suramericana de Canotaje – no último final de semana, os primeiros campeões Sul-americanos de Ocean Racing foram conhecidos.

As disputas realizadas na cidade de Ilhabela, litoral norte de São Paulo, foram divididas em 2 dias (sábado e domingo). No sábado a disputa foi no individual e no domingo a disputa em duplas. No individual, certa de 80 embarcações largaram para os 20km de disputa e nas duplas, cerca de 30 embarcações coloriram as águas de Ilhabela.

Largando no horário previsto, 13h de sábado, o primeiro canoísta a completar a prova e sagrar-se campeão sul-americano e também fechando o Circuito 2017 como campeão brasileiro foi José Marcos Mendes Filho com o tempo de 01h45m13s para os 20km. Completaram o pódio masculino Luiz Wagner Pecoraro e Gabriel Pereira Monteiro de Oliveira. No feminino a atleta Carmen Lucia da Silva foi a grande campeã sul-americana com o tempo de 01h59m40s, com Rayssa Corrêa Silva sendo vice-campeã e Larissa Oliveira dos Santos completando o pódio feminino.

No domingo pela manhã foi a vez dos duplos competirem, partindo pontualmente à 09h para executarem o percurso de 22km. Cerca de 30 duplas – 60 atletas – coloriram as águas de Ilhabela pela disputa do Campeonato Sul-americano e Brasileiro de duplas. Com larga vantagem, a primeira dupla a cruzar a linha de chegada e se tornarem campeões sul-americanos foi José Antônio da Silva e João Pedro Schiavinato da Silva, com o tempo de 01h38m16s. A segunda dupla, foi a dupla mista – embarcação composta por um homem e uma mulher – José Marcos Mendes Filho e Bruna Chicato Ribeiro Gama, seguidos pela dupla júnior João Pedro Vieira Miguel e Mayko Lucena Assipal.

A festa de premiação do individual aconteceu no sábado a noite na PROA Guardaria de Ilhabela ao som da banda TomCats, onde os atletas presentes se divertiram e receberam suas premiações do Sul-americano e também do Circuito 2017. A premiação dos duplos ocorreu no domingo, na praia da largada, onde também foram premiadas as duplas Sul-americanas e Brasileiras 2017.


SESTARO

Esportes

Foto: divulgação