Time De Falcão Inaugura Arena E Quer Ser Modelo De 'sport Experience'

Nesta sexta-feira, começam as oitavas de final da Liga Nacional de Futsal, com os 16 melhores clubes se enfrentando em jogos ida e volta. A grande novidade fica por conta do Magnus/Sorocaba, que irá inaugurar sua Arena na partida contra Jaraguá, sábado, às 13h.

Mais do que um simples ginásio, o time de Falcão almeja criar um local de entretenimento e ser um modelo para ser seguido por outras equipes no esporte brasileiro.

"A Arena permitirá que o plano piloto do projeto Magnus Futsal seja efetivamente executado, transformando o jogo em um grande espetáculo. Nossa ideia é que a Arena se torne aos pouco um grande polo de entretenimento, tornando-se modelo de 'sport experience' no Brasil", disse Felipe Drummond, presidente da equipe sorocabana.

Hoje com 29 anos, Drummond comandou o projeto de criação da equipe no interior paulista há três anos. Jornalista de formação e sócio de uma agência de marketing esportivo, o gestor conta que o surgimento do time de futsal ocorreu graças a uma campanha publicitária.

"Em 2013 contratamos o Falcão para uma campanha publicitaria para refrigerantes, daí numa conversa ele falou que tinha um sonho de jogar em Sorocaba. A partir dessa conversa me interessei, perguntei se ele tinha projeto e pedi permissão para montar um projeto, pensando já num pós-carreira para ele. Ele nos autorizou e ai fizemos pesquisa de mercado e criamos, aprovando com a Brasil Kirin, que era nosso cliente", contou o presidente.

Após dois anos, a Brasil Kirin optou por deixar a parceria e a Magnus Futsal se tornou o patrocinador máster do projeto. Inicialmente com contrato de um ano, a empresa que trabalhar com alimentação para animais deve renovar o contrato por mais três temporadas.

A meta, segundo Drummond, era começar a ganhar títulos apenas no terceiro ano. Contudo, logo na primeira temporada, o time paulista foi campeão estadual e da Liga Futsal. Em 2015, veio a taça da Libertadores, e esta temporada a maior consagração: o Mundial de Clubes, único título que faltava na carreira de Falcão.

O presidente lembra, contudo, que o projeto não é simplesmente a criação de um time vencedor.

"O principal diferencial é que não criamos time. Criamos grande plataforma de marketing, onde temos entrega de publicidade, relacionamento, e dentro disso temos também uma equipe de futsal. Quando o patrocinador fecha com a gente, não está comprando patrocínio de um time, como a maioria das modalidades, ele compra puma plataforma de marketing, com uma série de possibilidades. Nosso objetivo é que ele tenha maior retorno possível midiático. Acho que é uma ideia a ser seguida pelo mercado", finalizou o gestor.


ESPN

Henrique Munhos

Foto: divulgação