Flávia Saraiva Fecha Torneio Na Itália Com Um Ouro E Uma Prata

Após ser vice-campeã por equipes no sábado, Flávia Saraiva brilhou mais uma vez neste domingo no Trofeo Città di Jesolo, na Itália. A jovem de 17 anos conquistou o ouro no solo e a prata na trave. Com o final do torneio amistoso, o Brasil embarca para a Bélgica, local da próxima etapa da Copa do Mundo de ginástica artística, com quatro medalhas na bagagem.

Após a prata por equipes e também com Rebecca Andrade no Individual Geral, foi a vez de Flávia Saraiva brilhar nas finais por aparelho. No solo não deu para as adversárias, e com 13,900 a promessa da ginástica brasileira subiu no lugar mais alto do pódio ao lado da norte-americana Abby Pulson, que obteve a mesma nota. A russa Angelina Malnikova, com 13,800, ficou com o bronze.

Se no sábado a brasileira não foi bem na classificatória da trave, se desequilibrando do aparelho, mas mesmo assim conseguindo vaga na final, neste domingo a baixinha de 1,33m não sentiu a pressão, tirou 14,100 e, empatada com a francesa Marine Boyer, foi superada apenas pela norte-americana Riley McCuskey.

Marcos Goto, treinador de Arthur Zanetti nos últimos dois ciclos olímpicos e agora coordenador técnico das seleções masculina e feminina de ginástica artísica, comentou sobre o desempenho brasileiro na Itália.

" Os resultados foram positivos para a primeira competição do ano. Temos um longo trabalho pela frente até Tóquio, mas certamente demos um bom primeiro passo. Agora serão semanas de avaliação de erros e acertos e de muito treinamento para as etapas de Copa do Mundo na Europa no próximo mês. Precisamos evoluir fisicamente e tecnicamente, e nos adaptarmos rapidamente ao novo código de pontuação. Mas, ficamos satisfeitos com o desempenho das atletas, pois tivemos um grupo bem jovem que representou bem o Brasil nesse importante e tradicional torneio na Itália", pontuou.


TERRA

Esportes

Foto: divulgação