Soares E Murray São Eliminados Por Americanos Na 1ª Rodada Na Austrália

Sam Querrey e Donald Young dominam campeões do Aberto da Austrália. Sem sofrer nenhuma quebra de saque, dupla vence na estreia em sets diretos, por 6/3 e 7/6 (7-5)

Atuais campeões do Aberto da Austrália, Bruno Soares e Jamie Murray sequer passaram da primeira rodada do torneio nas duplas masculinas, nesta quinta-feira, em Melbourne. Cabeça de chave número 2 no primeiro Grand Slam do ano, a parceria formada pelo brasileiro e o britânico foi eliminada nesta quinta-feira pelos americanos Sam Querrey e Donald Young, em sets diretos, por 6/3 e 7/6 (7-5), após 1h15 de partida. Apesar da queda precoce, o Brasil tem dois representantes nas duplas na próxima rodada: Marcelo Melo, que atua ao lado do polonês Lukasz Kubot, e Marcelo Demoliner, que joga com o neozelandês Marcus Daniell. 

- Foi um jogo bom. Eles jogaram bem e o que fizeram de melhor, foi sacar. Eles conseguiram uma quebra no início do jogo e depois a gente entrou bem, especialmente no segundo set. A gente começou a jogar super bem, tomamos controle da situação, mas não conseguimos quebrar. Estávamos ganhando nosso saque com facilidade e não convertemos as chances. Mérito deles que ganharam o jogo. Sabíamos que era jogo duro e agora é focar na mista e seguir em frente - disse Bruno Soares, que volta as suas atenções para a disputa de duplas mistas.

O brasileiro e o britânico tiveram duas chances de quebra, mas não aproveitaram nenhuma delas, e deixaram a desejar no saque. Os americanos conseguiram uma quebra no quarto game do primeiro set e não foram ameaçados em um momento sequer, vencendo a parcial por 6/3. Soares e Murray reagiram no segundo set e fizeram um jogo duríssimo contra Querrey e Young, que foram exigidos, mas confirmaram o serviço nas duas vezes em que correram perigo. No tie-break, a uma disputa acirrada, por 7 a 5, decretou o 7/6 e a vitória dos americanos. 

Querrey e Young voltam à quadra para enfrentar pela segunda rodada os russos Karen Khachanov e Andrey Kuznetsov, que passaram na estreia pela dupla formada pelo israelense Jonathan Erlich e o americano Scott Lipsky, com um duplo 6/4.

Soares e Murray não passam da estreia

Além do título com Murray, no ano passado, Soares também levou a taça nas duplas mistas do Aberto da Austrália, ao lado da russa Elena Vesnina. Desta vez, o brasileiro terá como parceria a revelação tcheca Katerina Siniakova, de 20 anos, com quem é o cabeça de chave 6. A estreia da parceria será contra o uruguaio Pablo Cuevas e a espanhola Maria José Martínez Sánchez. 

Se em janeiro do ano passado, Soares chegava ao Aberto da Austrália em busca da sintonia fina com Murray - no terceiro torneio juntos -, após romper com o austríaco Alexander Peya, nesta temporada, a dupla entrou como forte candidata ao título em Melbourne. A temporada de 2016 foi memorável para os tenistas, que terminaram no topo do ranking mundial, 

Na semana passada, o vice-campeonato no ATP 250 de Sydney era apenas outra confirmação do quão longe poderiam chegar no Grand Slam. Mas, com a eliminação na estreia, os tenistas serão ultrapassados pelos irmãos Mike e Bob Bryan, dos Estados Unidos. Soares e Murray defendiam 2.000 pontos do título do ano passado e, com a queda, levarão só 10 pontos. Além da conquista do Aberto da Austrália nas duplas, no ano passado, o brasileiro e o irmão de Andy Murray tiveram como um dos pontos altos da temporada o título do US Open. 

No torneio de duplas masculinas, Marcelo Melo e o polonês Lukasz Kubot superaram os suecos Johan Brunstrom e Andreas Siljestrom por 7/5, 4/6 e 6/4 e avançaram para a segunda rodada. Já André Sá e Leander Paes caíram diante do filipino Treat Huey e do bielorrusso Max Mirnyi por 4/6, 7/6 (3) e 6/4. No segundo set, brasileiro e indiano chegaram a liderar o tie-break por 3-0.

Globo Esporte

Foto: Getty Images