A Influência De Exercícios Físicos Suaves Sobre A Relação Estados Emocionais E Tensão Muscular

O Homem moderno é sedentário, pouco utiliza ou sabe de seu próprio corpo e principalmente sobre suas emoções e sentimentos. Vivendo em um meio dominado pela automação, perde gradativamente seus movimentos e suas habilidades numa “involução” que o torna um estranho para si. Não sabe mais identificar suas emoções, nem ao menos controlá-las, criando os desequilíbrios físicos e mentais. Alguns estados emocionais como o medo, a tristeza, as decepções são fortes motivos para que o corpo se retraia, gerando um distúrbio emocional e conseqüentemente uma tensão corporal.

Para Lowen (1990) e Costa (1999), toda essa tensão do corpo escreve uma história e pode possuir um significado específico ou ter uma origem emocional. Desta forma, este presente estudo pretende investigar quais são as relações existentes entre tensão muscular e estados emocionais e verificar as influências que os exercícios físicos suaves ou também chamados de alternativos podem ter sobre esta relação. 

Veja texto completo em anexo.